Agridoce - Simone O. Marques

Hoje a resenha é especial, pois no dia 24 de maio de 2010, eu estava começando esse blog. A exatamente um ano atrás.
Mas vamos ao que interessa a resenha e nada melhor do que falar sobre um dos meus temas favoritos no niver do blog...Vampiros!!!


Edição: 1
Editora: Multifoco
ISBN: 9788579612121
Ano: 2010
Páginas: 282

Essa é uma história de vampiros, mas ...hum...vampiros "diferentes"...
Anya, uma futura chef gastronomica, que tem um olfato extremamente apurado, vê sua vida virar de pernas pro ar, ao "despertar" seu lado vampiro, incluindo aí até uma provável mudança de personalidade...
A história é muito bem amarrada, tirando apenas uma questão que surge no final do livro,mas eu acredito que ela será respondida no próximo, eu adorei!!!
Anya é soortuda, têm um harém a sua disposição...e que harém...Confesso que meu predileto (não poderia deixar de ser...) é Rafael Montéquio...ai!ai! Ele é tutor de Anya e parece ter um lado sombrio (isso me fascina...devo ser doida...), ao mesmo tempo em que tenta proteger Anya a todo custo...Deixando um ar de mistério a sua volta que pretendo revelar (mas issoo só poderá acontecer, acho, no próximo livro)...
Todos os personagens são maravilhosos. Amei o Léo (irmão do Dante-médico). Ele é ao mesmo tempo sonhador e pés no chão...entendeu? Não? Só lendo mesmo...rsrsrs...
Não sei mais o que falar...é sempre difícil comentar um livro que gosto muito...tenho medo de soltar spoillers....E esse livro é muito bom! (to me tornando repetitiva né?Mas ando lendo livros muito bons mesmo...)
Recomendo!!!

Sinopse:
Agridoce não é apenas mais um livro de vampiros, é uma obra repleta de aromas, sabores e sensualidade, que transcorre em ritmo viciante e irresistível,mantendo os leitores presos até a última página. Os personagens fazem parte de uma trama que envolve: Portadores de uma necessidade especial (Vampiros) que despertam para a condição determinada por uma predisposição genética (a necessidade de sangue), Escravos (doadores), pessoas que despertam fisicamente dependentes dos Portadores, doar o sangue é uma condição vital para eles, e Antagonistas (caçadores) que, assim como os outros dois elementos da trama, despertam, mas para a necessidade de eliminar o Portador, mesmo que não tenham consciência disso. São elementos de um triângulo dependente de sangue e a história do que são capazes de fazer por ele. É uma incursão pelo mundo dos vampiros que respeita o mito, mas que foge de clichês. Tudo isso temperado com muito suspense, ação e terror.
Fica a dica...
Bjos!!!

3 comentários :

  1. Ah, que delícia saber que esse é um livro tão bom assim que ficou até difícil de resenhar \o/ Ganhei esse livro em uma promo hoje e agora estou doida para que ele chegue logo para que possa lê-lo =)

    ResponderExcluir
  2. mesmo com o mercado cheiooo de livros de vampiros eu sempre fico na vontade de ler mais um hehehe =)

    ResponderExcluir
  3. ÓTIMA POSTAGEM!!!!
    TEM SELINHO NO BLOG PARA VOCÊ:
    http://amorimortall.blogspot.com/2011/05/selinhos_24.html
    ESPERO QUE GOSTE DO PRESENTE!!!
    BEIJOS

    ResponderExcluir

Quero saber o que tem a dizer... um olá, um argh...tudo que me faça te conhecer um pouco mais.